Amazon One: sistema de pagamentos que lê a palma da mão

Em teste nos Estados Unidos, o novo sistema de pagamentos da Amazon, um scanner que utiliza biometria para ler a palma da mão, promete mais segurança.

A tecnologia impulsiona setores de todas as áreas, no transporte, na medicina, na ciência, e até em ações do nosso cotidiano, como nos meios de pagamento. E nos últimos anos temos observado um avanço significativo do pagamento eletrônico. A novidade da vez é da Amazon, a empresa anunciou um novo sistema de pagamento que consiste em um simples aceno de mão.

A Amazon divulgou hoje (29) que realizará testes da nova tecnologia de biometria para autenticar pagamentos usando as mãos. A proposta do chamado ‘Amazon One’, é que ao em vez de um cartão contactless ou de um celular, o consumidor possa realizar compras apenas aproximando a palma da sua mão em um leitor.

Amazon

O novo scanner Amazon One registra uma imagem da palma da mão do usuário e identifica o cliente e os dados de seu cartão de crédito, permitindo que ele faça o pagamento ao posicionar a mão em frente ao leitor “por cerca de um segundo”, como afirmou a empresa. O dispositivo fará leitura de características físicas, como linhas e sulcos da palma, características únicas em cada indivíduo.

A iniciativa cai como luva para o momento de pandemia em que estamos vivendo, onde o mais seguro é manter o mínimo de contato com as coisas. No entanto, a Amazon explica que o real objetivo da biometria de mão é oferecer mais segurança e privacidade para o usuário.

“Você não pode determinar a identidade de uma pessoa olhando para uma imagem da palma de sua mão”, justifica Dilip Kumar, vice-presidente de negócios físicos da Amazon.

Os testes acontecerão em duas lojas físicas da Amazon em Seattle, nos Estados Unidos, onde o sistema de pagamento já acontece de forma automatizada por um aplicativo de celular. A empresa também demostra interesse em ampliar a implantação do sistema em outras lojas no futuro.

“Para a maioria dos ambientes de varejo, o Amazon One pode se tornar uma opção alternativa de pagamento ou cartão de fidelidade com um dispositivo no caixa ao lado de um sistema de ponto de venda tradicional”, afirma a marca em seu site oficial.

As demais formas de pagamento: carrinho automatizado e pelo app da loja, ainda estarão disponíveis. O cliente que optar pela biometria não precisará ter uma conta na Amazon. Basta fazer o cadastro da palma da mão em um dos aparelhos, inserir o cartão de crédito e associar o número de telefone.

A Amazon ainda diz que pretende disponibilizar a tecnologia para outros setores, incluindo acesso a shows e escritórios. Podendo substituir pulseiras ou cartões de identificação. “Acreditamos que o Amazon One tem ampla aplicabilidade além de nossas lojas de varejo”, acrescentam.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ultimas Postagens

Quanto vale a experiência do usuário?

Visa lança programa ´´Causas Visa´´ para ajudar consumidores a apoiarem causas sociais a cada pagamento realizado

Tramontina usa inteligência artificial para ajudar filhos no Dia dos Pais

Rayssa Leal: Nike dá asas à fadinha no filme “Novas Fadas”

Cerveja Corona lança versão em lata inédita no Brasil com embalagem sustentável

Business Intelligence: aprenda a tomar decisões mais assertivas na sua estratégia empresarial

Dia da Consciência Negra: Magalu incentiva a leitura de autores negros

Conheça os riscos da sua empresa não se adequar à Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais

Seis campanhas que revisam os conceitos de masculinidade

As melhores campanhas da semana!

No Dia Mundial Sem Carro, Caloi cria Calculadora da Mobilidade

Você saberia dizer qual o valor de uma ideia nos dias de hoje?

Inscreva e receba novidades

CADASTRE E RECEBA CONTEÚDO DO PORTAL