Você conhece o seu poder de cocriar o futuro?

Talvez, esse seja o pensamento que mais me ajuda a enfrentar com certa leveza o ambiente VUCA – de volatilidade, incertezas, ambiguidade e complexidade – que nos cerca. Isso porque, quando tomamos consciência da nossa responsabilidade na criação do futuro, tanto nosso, como da sociedade e mercado, tiramos das costas um pouco do peso da sensação de descontrole total que, inevitavelmente, nos aflige enquanto percebemos a velocidade com que o mundo muda à nossa volta.

Inovação: menos PREVISÃO e mais AÇÃO!

O novo, e necessário, olhar sobre o tema.

Não dá mais para ficar parado esperando para ver o que vai acontecer, qual previsão vai se concretizar, como uma espécie de “bolão” de Copa do Mundo Corporativo. Afinal o cenário de transformações atuais, acentuado pela pandemia global do covid-19, impôs uma nova realidade que chegou para ficar. Algumas empresas tiveram que parar por força maior, outras continuam trabalhando e inovando porque entendem que o mercado mudou e elas também precisam estar em movimento

Liberte sua criatividade

O que diferencia um criativo de outro? O que faz um criativo ser respeitado por suas mirabolantes e maravilhosas ideias? Por que alguns criativos possui carreira inalcançável de prêmios e ascensão? E ainda, que loucura é essa que destaca alguns como verdadeiras estrelas de Hollywood? Alguns respondem com convicção que é porque uns são mais criativos que outros.

A criatividade e força está na identidade das marcas

Os últimos anos obrigaram a área de publicidade a uma reinvenção constante. Em ponto de ebulição, esse processo não dá mostras de que vai acabar tão cedo. Diariamente somos atropelados pelo novo, e, neste cenário, precisamos redefinir o próprio papel da publicidade e da criatividade (do publicitário).

Cinco mitos sobre a ISO de inovação que você precisa saber

Lançada em julho de 2019, a ISO 56002, de gestão da inovação, tem despertado divergência de opiniões. De um lado, adeptos da cultura de inovação temem pela burocratização. Do outro, gestores acreditam que sem processos, não há inovação. Como um dos únicos brasileiros que participou do processo de formatação dessa norma e das primeiras implementações em empresas nacionais, posso garantir com grande convicção que essa norma veio para ajudar empresas de todos os portes e segmentos a criarem uma gestão voltada para o futuro. Sendo assim, listei os cinco mitos mais comuns sobre a ISO de inovação.