ESG na prática: iniciativas de grandes empresas para promover impacto social e ambiental

As práticas de ESG (environmental, social and governance, ou, em português, ambiental, social e governança) se tornaram essenciais na estratégia das empresas. Para sobreviver em um mercado cada vez mais exigente, é preciso deixar um impacto social e ambiental positivo no mundo.  

As iniciativas ESG são adotadas de diversas formas. Seja criando programas internos e externos, estabelecendo metas ou assinando pactos, os negócios têm trabalhado para atender às demandas dos consumidores, que valorizam organizações transparentes, seguidoras de boas práticas em relação ao meio ambiente, à sociedade e à própria gestão.

Em paralelo, a pandemia evidenciou ainda mais o tema, que já vinha sendo discutido nos últimos anos. Os negócios que seguem as boas práticas de ESG vêm tendo bons resultados, mesmo em meio a crises como a atual, o que contribuiu para aumentar ainda mais o interesse no tema. 

Que colocar o ESG em prática é importante, muitas empresas já sabem. Mas como fazer isso? Quem deve ser o responsável pelas ações dentro da organização? E quais iniciativas as grandes empresas já estão fazendo? Continue a leitura do texto que vamos responder a essas questões!

Como as grandes empresas estão colocando ESG em prática?

Para colocar ESG em prática, não basta contratar especialistas no assunto ou criar uma área dedicada a isso. É preciso ir além e promover uma mudança de visão dos executivos, conselheiros e acionistas.

As práticas devem fazer parte da cultura da empresa, permeando todas as estratégias. A ideia é que todos os profissionais tenham consciência sobre as boas práticas relacionadas ao meio ambiente, ao social e à governança sustentável, e que as desenvolvam no trabalho que fazem no dia a dia. 

Envolvimento da alta diretoria na estratégia de ESG

Empresas que têm sucesso na aplicação de ESG geralmente possuem uma área de sustentabilidade que é ligada à alta diretoria. É o caso da Via (anteriormente Via Varejo), dona de marcas como Casas Bahia e Ponto. 

A pauta ESG sempre esteve presente na história da empresa, mesmo quando as iniciativas não aconteciam com esse nome. Desde a fundação, há 60 anos, a organização busca fortalecer as comunidades em que atua, com iniciativas como formação profissionalizante, geração de trabalho e renda para jovens e microempreendedores. 

Com a nova administração, que assumiu a empresa em 2019, essa agenda foi priorizada e ficou ainda mais evidente. Um dos primeiros movimentos foi deixar a área com uma atuação transversal, de modo que possa permear todas as áreas da empresa. Para isso, a diretoria de ESG está ligada ao CEO, Roberto Fulcherberguer, que participa ativamente dessas ações.

“Somos ambiciosos, queremos transformar o conceito de varejo no Brasil e ser a companhia mais sustentável do setor. Nesse sentido, nossos esforços agora estão direcionados para a definição de metas para todos os pilares de atuação do ESG”, conta a gerente de sustentabilidade da Via, Vanessa Romero. 

Ela destaca que a sustentabilidade deve ser percebida pelos stakeholders em qualquer experiência com as marcas que fazem parte da empresa e que, para isso, é necessário olhar para os processos internos, para que eles sejam aperfeiçoados e transformados. 

Além do envolvimento da alta liderança e de um plano estruturado, que contempla o desdobramento de metas, a Via trabalha a cultura da empresa, para que os colaboradores de todos os níveis percebam o valor da sustentabilidade e sejam os principais protagonistas da transformação.

“Assim, com os colaboradores contribuindo dentro das suas áreas de atuação, de forma transversal, juntamente com a inserção do tema na agenda estratégica da empresa, o movimento em relação à sustentabilidade ocorrerá de forma verdadeira e alinhada ao negócio”, diz a gerente de sustentabilidade.

Conexão com o propósito da empresa

Já no caso do banco BV, embora a agenda de sustentabilidade já exista há anos na empresa, recentemente foi dado um passo na evolução do tema. 

Para isso, a instituição financeira reviu seu propósito, aspiração de sustentabilidade e pilares de atuação, um trabalho que incluiu pesquisas com stakeholders externos, formadores de opinião e colaboradores, análise das principais tendências ESG do mercado, benchmark com empresas do setor financeiro nacionais e internacionais e uma imersão nos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU.

Desse trabalho, nasceu a nova aspiração de sustentabilidade do BV, que é fomentar o desenvolvimento social por meio de uma atuação sustentável de seu ecossistema

Para entregar essa aspiração, foram definidos quatro pilares de atuação: 

  1. Neutralizar o impacto ambiental;
  2. Acelerar a inclusão social interna e externamente;
  3. Multiplicar e humanizar o conhecimento financeiro;
  4. Mobilizar recursos para fomentar negócios sustentáveis. 

“Assim, iniciamos um novo capítulo em nossa atuação socioambiental, garantindo que os princípios ESG estejam presentes em nossa estratégia, negócios, incentivos e sejam acompanhados de forma transparente pela sociedade”, explica o gerente de sustentabilidade do BV, Tiago Soares.

A seguir, conheça em detalhes quais são os pilares de atuação Ambiental e Social da Via e do banco BV.

Iniciativas da Via

Ambiental

No aspecto ambiental, a Via tem 3 pilares de atuação: energia renovável, economia circular e de baixo carbono. 

  • Até 2025, o objetivo é que 90% da energia adquirida para as operações da Via sejam de fontes limpas e renováveis;
  • A empresa possui o programa Reviva, responsável pela reciclagem de resíduos das operações de toda a empresa. Somente em 2020, foram enviadas mais de 5 mil toneladas de materiais recicláveis para 11 cooperativas parceiras, contribuindo para a geração de renda de 250 famílias, além de reduzir o impacto ambiental;
  • A Via tem o maior programa de coletores de eletroeletrônicos do varejo, com 400 pontos de coleta, e em 2020 encaminhou 3 toneladas de materiais para o descarte correto;
  • A companhia aumentou a integração da sua malha logística, agilizando as entregas para o consumidor, reduzindo custos e gerando menos emissões. Em abril de 2021, foram incluídos 10 veículos elétricos na frota logística da empresa.

Social

No aspecto social, além do trabalho com a Fundação Casas Bahia, que em 2020 beneficiou mais de 400 mil pessoas diretamente, a Via destaca sua atuação com diversidade e inclusão. 

Além dos treinamentos e das campanhas de sensibilização para os colaboradores, a empresa intensificou os grupos de afinidades: Baobá (equidade racial), Via Prisma (LGBTI+), Talentos sem Limites (pessoas com deficiência) e Viabiliza (gênero).  

Além disso, a companhia é signatária de diversos apoios e compromissos voluntários:

  • Movimento Mulher 360 – Instituto Ethos
  • Coalizão Empresarial para Equidade Racial e de Gênero – Instituto Ethos, Centro de Estudos das Relações de Trabalho e Desigualdades (CEERT) e Institute for Human Rights and Business (IHRB), com apoio do Movimento Mulher 360 e do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID)
  • Fórum de Empresas e Direitos LGBT
  • Princípios de Empoderamento das Mulheres –WEPs – ONU Mulheres
  • Coalizão Empresarial de Luta pelo Fim da Violência contra Mulheres e Meninas – Avon, ONU Mulheres e Fundação Dom Cabral
  • Manifesto Seja Antirracista – Instituto Identidades do Brasil (ID_BR)
  • Selo Sim à Igualdade Racial – Instituto Identidades do Brasil (ID_BR)

Como meta, até 2025, o objetivo da Via é ter 42% de mulheres e 45% de negros em cargos de liderança (gerentes e acima).

Iniciativas do banco BV

Ambiental

  • Estabeleceu o compromisso público de compensação de 100% do CO2 da carteira de veículos financiados a partir de 2021; 
  • É banco Carbono Neutro, compensando as emissões diretas e indiretas a partir do inventário dos gases de efeito estufa do banco;
  • Foi o primeiro banco privado brasileiro a emitir um título verde;
  • Criou uma nova linha de crédito para veículos híbridos, com taxas diferenciadas.

Social

  • Destinou mais de R$ 30 milhões ao combate da covid-19, apoiando projetos de infraestrutura hospitalar e atendimento a famílias vulneráveis;
  • Apoia o Programa Parceria pela educação do Instituto Votorantim, que dá suporte a mais de 1900 escolas em 75 cidades no Brasil;
  • Criou a plataforma de esportes BV, que atua no desenvolvimento e aceleração de projetos sociais através do esporte, impactando mais de 1.800 crianças;
  • Apoia o Pacto pelo Esporte;
  • Apoia 28 projetos sociais através de leis de incentivo;
  • Visando a diversidade, criou um programa de estágio voltado apenas pessoas do gênero feminino e, para menor aprendiz, apenas negros. 

A empresa ainda tem compromissos públicos a serem atingidos até 2030, com metas que serão revistas a cada dois anos:

  • Financiar e distribuir R$ 80 bilhões para negócios ESG; 
  • Continuar compensando 100% das emissões diretas de gases causadores do efeito estufa, como faz desde 2019; 
  • Neutralizar 100% das emissões de CO2 do financiamento de veículos; 
  • Atingir 50% de cargos de liderança ocupados por pessoas que se identifiquem com o gênero feminino; 
  • Garantir a participação de 35% de negros no quadro de colaboradores.

Fonte: Distrito.me

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ultimas Postagens

Como usar a tecnologia para alcançar as metas da sua empresa

Como as marcas podem transformar lojas em estúdios de conteúdo

ESG na prática: iniciativas de grandes empresas para promover impacto social e ambiental

O que fazer quando o cliente diz “vou pensar e, qualquer coisa, te falo”?

EmpregueAfro e Facebook se unem por profissionais negros

Descubra como sites de grandes empresas devem ser desenvolvidos

Marketing em tempos de máscara e álcool gel

Novos Beijos Icônicos: Mercado Livre busca normalizar beijos LGBTQIA+

Tramontina usa inteligência artificial para ajudar filhos no Dia dos Pais

Dia da Consciência Negra: Magalu incentiva a leitura de autores negros

20 filmes e documentários para entender a utilidade do feminismo

O que pode acontecer nas olimpíadas mais tecnológicas de todas?

Inscreva e receba novidades

CADASTRE E RECEBA CONTEÚDO DO PORTAL