Cientistas criam máscara que detecta Covid-19 em 90 minutos

Produto custa apenas 5 dólares para ser feito e está na fase de registro de patente

Em apenas noventa minutos, uma máscara será capaz de detectar se uma pessoa está infectada com a Covid-19. Essa é a nova invenção de um grupo de engenheiros da Universidade de Harvard e do MIT, que foi divulgada em um estudo publicado na revista Nature Biotechnology.

A máscara possui a mesma sensibilidade de testes RT-PCR padrão-ouro, mas entrega os resultados mais rapidamente, em apenas uma hora e meia. O equipamento funciona por sensores liofilizados incorporados na parte interna e que são capazes de detectar partículas virais no hálito e na respiração do usuário.

“Essencialmente, reduzimos todo um processo laboratorial de diagnóstico a um pequeno sensor que funciona como qualquer máscara facial e combina alta precisão com velocidade e baixo custo”, comentou Peter Nguyen, engenheiro de Harvard que participou do projeto.

O protótipo tem um custo de apenas US$ 5 para ser produzido. O próximo passo é registrar a patente da invenção e procurar parceiros comerciais para levar o item ao mercado. “Já tivemos interesse de grupos externos que gostariam de usar o protótipo que temos e levá-lo a se tornar um produto aprovado e comercializado”, comentou James Collins, professor do MIT.

A máscara preserva o resultado do teste, e o exibe apenas em sua parte interna. A criação do item é interessante pois já é sabido e divulgado que a vacinação não é o único meio de vencer a Covid-19, é preciso também um esforço para evitar o contágio e testar as populações de todo o mundo, e com um equipamento barato e eficiente, poderemos ter testes muito mais rapidamente.

Fonte: B9

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ultimas Postagens

Empresas sem estratégias sustentáveis ficarão para trás, diz especialista

Por que é importante que marcas tenham propósito?

Como usar a tecnologia para alcançar as metas da sua empresa

Como as marcas podem transformar lojas em estúdios de conteúdo

ESG na prática: iniciativas de grandes empresas para promover impacto social e ambiental

O que fazer quando o cliente diz “vou pensar e, qualquer coisa, te falo”?

Campus Party Brasil volta com sua edição digital em julho de 2021

5 tendências do e-commerce para 2021

Você já pensou no impacto que os seus dados geram no planeta?

Tramontina usa inteligência artificial para ajudar filhos no Dia dos Pais

Cinco mitos sobre a ISO de inovação que você precisa saber

Natura inaugura centro de inovação de R$ 35 milhões

Inscreva e receba novidades

CADASTRE E RECEBA CONTEÚDO DO PORTAL